Média °C
a

MENU
  

NOTÍCIAS

06/04/2018

6º Encontro Estadual do Programa Cooperjovem aborda tema “Educando para a Cooperação” com palestras, oficinas e lançamento de livro

A sexta edição do Encontro Estadual do Programa Cooperjovem, realizado pelo SESCOOP/SC (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo de Santa Catarina), reuniu mais de 230 pessoas em Florianópolis nos dias 4, 5 e 6 de abril. Professores de 84 escolas e coordenadores de 24 cooperativas, que fazem parte do Programa em 2018, acompanharam a programação do evento criada a partir do tema “Educando para a Cooperação”. O Cooperjovem é adotado em 53 municípios catarinenses, em escolas municipais e estaduais, realizado com o apoio de mais de 500 professores, e atinge mais de 28 mil alunos da educação fundamental e infantil.



>> Clique aqui para ver as fotos



A abertura do Encontro contou com a presença do presidente do Sistema OCESC, Luiz Vicente Suzin, e foi marcada pelo lançamento do livro “Boas Práticas de Educação Cooperativa”. “É um momento muito importante para nós, de reconhecimento às práticas desenvolvidas nas escolas. Também é momento de reconhecer o empenho das cooperativas e dos seus dirigentes, que apoiam o Programa para a difusão da cultura da cooperação aos jovens, futuro do cooperativismo”, comentou.



O livro, primeiro do SESCOOP/SC a ser catalogado na Biblioteca Nacional, reúne a descrição de 27 práticas cooperativas realizadas em 27 escolas, com o apoio de 14 cooperativas, que se destacaram em 2017. Entre elas, está a atividade criada pela Escola Núcleo Número Um, de Cunha Porã, coordenada pela Auriverde. Por meio de uma dinâmica para ouvir a ideias de alunos e pais, a escola promoveu a melhoria do espaço e integrou os pais à escola.



“Estamos maravilhados, porque somos uma escola nova no Programa, iniciamos em 2016, e a primeira atividade que desenvolvemos está no livro. Então é um orgulho, é emocionante. Isso faz com que a gente queira fazer mais e melhor e continuar essa caminhada. Vimos muitas mudanças acontecer e percebemos que colhemos muitas coisas boas depois que o Cooperjovem entrou na nossa escola”, comenta a diretora Rosane Santi Bueno. Ela, juntamente com outras duas professoras da escola, participou dos três dias do evento.



O segundo dia do Encontro contou com a palestra “A escola que encanta e transforma vidas”, seguida de oficina temática, de Max Haetinger, e com a palestra “Cooperação, Cidadania e Educação”, de Júlio César Furtado dos Santos. À noite, os participantes compareceram ao Baile de Danças Circulares, conduzido por Renata Carvalho Lima Ramos. O último dia é de sensibilização para a Coopa de Futebol Cooperativo 2018, realizada pelo Projeto Cooperação, com participação especial de Cláudio Thebas.




Fonte: Assessoria de Comunicação Interna Sistema OCESC


..