Sescoop

Média °C
a

MENU
  

PROGRAMA MULHERES COOPERATIVISTAS



O programa é destinado a cooperadas, esposas, filhas de cooperados e colaboradoras de cooperativas de qualquer ramo de atividade do cooperativismo do Estado de Santa Catarina.

Geral: Oferecer capacitação cooperativista buscando conscientizar, preparar e organizar as mulheres para atuarem de forma comprometida e participativa no quadro social das cooperativas.

Específicos:

• Conhecer a mulher cooperada;

• Integrar a mulher cooperada no cotidiano da cooperativa;

• Apresentar noções importantes sobre cooperativismo;

• Fomentar a importância do protagonismo feminino;

• Promover a educação e comunicação cooperativista;

• Apresentar noções importantes sobre empreendedorismo cooperativo;

• Orientar a mulher cooperativista para uma atuação eficaz dentro da cooperativa;

• Fortalecer a identidade da cooperativa entre as participantes;

• Despertar nas mulheres o senso de liderança.

O programa é realizado em quatro etapas: preparação, lançamento, formação modular e constituição de núcleos femininos. A proposta formativa do programa tem como principais eixos temáticos: Cooperativismo, Liderança e Protagonismo Feminino e Organização do Quadro Social.

A formação modular é coordenada pelo SESCOOP/SC que seleciona e contrata os instrutores, acompanha e avalia o desenvolvimento dos módulos, além de fornecer todo o material didático. As cooperativas, em contrapartida, selecionam os participantes e viabilizam toda a infraestrutura necessária (local adequado, recursos e equipamentos e alimentação dos participantes) para a realização da formação.

1. Infraestrutura (local e equipamentos)
Cooperativas
2. Alimentação (lanches, almoço)
Cooperativas
3. Apoio operacional (coordenação local)
Cooperativas
4. Instrutores (honorários, hospedagem e alimentação)
SESCOOP/SC
5. Material didático
SESCOOP/SC
6. Certificados
SESCOOP/SC

Ao todo, a formação modular é composta de no mínimo 6 (seis) módulos de 16h cada e 01 (um) encerramento de 02h/a, totalizando uma carga horária de 98h/a. Tem duração média de 6 (seis) meses, com periodicidade de 02 (duas) aulas mensais, a serem ministradas quinzenalmente, de acordo com cronograma a ser definido juntamente com o coordenador local da cooperativa.

A metodologia da formação do programa prioriza a educação humanizadora, com foco na convivência grupal e interação educador-aluno, tanto nos aspectos teóricos como no desenvolvimento de atividades práticas e dinâmicas que permitem a vivência do cooperativismo de acordo com a real necessidade e o tipo de negócio de cada cooperativa. Confira abaixo a descrição dos módulos e seus objetivos. Clique aqui para visualizar o video de apresentação do programa.

MÓDULOS
CARGA HORÁRIA
I
Doutrina e Educação Cooperativista
16 horas
II
Desenvolvimento Interpessoal e Relacionamento Familiar
16 horas
III
Sociedades Cooperativas
16 horas
IV
Protagonismo Feminino e Liderança Cooperativista
16 horas
V
Empreendedorismo Cooperativo
16 horas
VI
Organização do Quadro Social (OQS)
16 horas

MÓDULO I - Doutrina e Educação Cooperativista: Apresentar e auxiliar às participantes quanto à devida compreensão do cooperativismo, bem como de seu valor e importância no desenvolvimento social e econômico de suas famílias e da comunidade.

MÓDULO II - Desenvolvimento Interpessoal e Relacionamento Familiar: Oferecer às participantes um conhecimento acerca de si mesmas, investigando e mostrando a influência dos modelos familiares no modo de lidar com as pessoas e nas famílias que constituíram. Além de discutir as principais dificuldades vividas pelas famílias e as possíveis saídas para viver melhor.

MÓDULO III - Sociedades Cooperativas: Contribuir para uma maior e melhor conscientização e conhecimento das mulheres cooperativistas sobre o conceito, características, estrutura, funcionamento, potencialidades e desafios das sociedades cooperativas, visando uma participação mais atuante e compromissada das famílias nas cooperativas em que estão vinculadas.

MÓDULO IV - Protagonismo Feminino e Liderança Cooperativista: Oportunizar às participantes a reflexão acerca do papel da mulher na família, na comunidade e na cooperativa, a fim de que compreendam sobre a necessidade de seu protagonismo na cooperativa, bem como o papel da líder na organização.

MÓDULO V - Empreendedorismo Cooperativo: Despertar nas participantes a consciência de sua força e da sua capacidade de contribuir para os resultados da cooperativa, a fim de que sua visão esteja mais ampliada quanto às suas possibilidades de contribuição para o fortalecimento do núcleo familiar, da cooperativa e do próprio cooperativismo.

MÓDULO VI - Organização do Quadro Social (OQS): Auxiliar as participantes quanto à devida compreensão e valorização da Organização do Quadro Social na cooperativa, bem como seu papel nos processos decisórios e de autogestão da cooperativa.

A última etapa do programa consiste na organização/constituição do(s) núcleo(s) feminino(s), e é no sexto e último módulo da formação que as participantes recebem todas as informações sobre a finalidade e as principais tarefas atribuídas a este órgão e, ao final, decidem de forma coletiva, se aceitam ou não constituir o núcleo feminino da cooperativa.

No encerramento da formação é realizada uma cerimônia para entrega dos certificados de conclusão que são emitidos mediante a frequência mínima de 80% de participação em todos os módulos.

• Constituição de núcleos femininos, com projeção de potenciais cooperadas e lideranças cooperativistas;

• Maior envolvimento e participação ativa da mulher na cooperativa;

• Ampliação do comportamento empreendedor e do protagonismo feminino;

• Maior fidelização da família associada;

• Fortalecimento da identidade cooperativista;

• Valorização da mulher.

Um dos fatores determinantes para o sucesso do programa é o apoio e o comprometimento da diretoria da cooperativa perante todo o processo da formação, e, principalmente, da implantação do núcleo feminino, pois, após o término do programa, a cooperativa deverá continuar oportunizando novos projetos e ações para consolidar na prática uma efetiva participação das mulheres, seja nas assembleias, no seu quadro diretivo, núcleos ou comitês, seja no aprimoramento de ações, cursos e treinamentos voltados para o desenvolvimento do público feminino.

Sabemos que o negócio cooperativista terá bons e eficazes resultados quando seus cooperados sentirem-se de fato associados, assistidos, e, consequentemente, fidelizados com a cooperativa. Nesta perspectiva, o público feminino tem se mostrado cada vez mais afetiva e efetivamente interessado pelo negócio cooperativo e o seu envolvimento com a cooperativa contribuirá decididamente no fortalecimento da cooperativa, e, consequentemente, do sistema cooperativista.

Para mais informações, as cooperativas interessadas em aderir ao Programa Mulheres Cooperativistas deverão entrar em contato com o Setor de Promoção Social do SESCOOP/SC, através do e-mail: patricia@ocesc.org.br ou telefone: (48) 3878-8800.

CONTATO

(48) 3878 - 8823